Bahia

Sete meses depois, pai que matou filha esfaqueada continua foragido

Sete meses depois de matar a filha de 13 anos com facadas após deixar a cadeia, Horácio Lazareno Lucas continua foragido. O inquérito sobre o caso foi relatado ao Fórum de São Roque (SP) em janeiro deste ano com o registro das buscas sem sucesso feita pela policia na região e está em segredo de Justiça.

Letícia Tanzi foi morta com facadas no dia 3 de outubro, horas depois que o pai, de 39 anos, foi até o imóvel ao sairr da prisão, onde cumpria pena de um estupro contra a cunhada.

Anúncios

A mãe e o irmão de Leticia atualmente moram com parentes, em outro bairro da cidade. A dona de casa voltou a estudar e matriculou o filho em uma nova escola. Além dos dois, o restante da família tem medo de uma nova retaliação do foragido.

Anúncios
crie seu site

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *