Esporte

Bahia é derrotado pelo Santos em Pituaçu e perde os 100% como mandante na Série A

O Esporte Clube Bahia retornou ao Campeonato Brasileiro com o pé esquerdo, após quase 30 dias de pausa na competição devido realização da Copa América. Na noite deste sábado (13), o Esquadrão perdeu para o Santos, pelo placar de 1 a 0, com gol do gringo Carlos Sánchez, diante de 18.853 torcedores no estádio metropolitano de Pituaçu, pela 10ª rodada. Com o revés, o Tricolor Baiano perde duas posições na tabela neste sábado, para São Paulo e Grêmio, caindo do 8º lugar para o 10º com os mesmos 14 pontos, e ainda pode cair mais um degrau no domingo em caso de vitória do Corinthians sobre o CSA em Itaquera.

Com o resultado, o Esquadrão sofre sua primeira derrota como mandante no Brasileirão e também sob o comando do técnico Roger Machado, perdendo o aproveitamento de 100%. Agora são 9 jogos, com 8 triunfos e 1 derrota. Além disso, perde a invencibilidade de mais de quatro anos, 18 jogos, sem ser derrotado em Pituaçu. A última derrota no estádio havia sido em fevereiro de 2015, em partida pelo Campeonato Baiano, quando foi derrotado pelo Jacuipense, por 2 a 1. Já o time santista mantém o TABU de nunca ter perdido para o Bahia em Pituaçu. São 3 jogos, duas vitórias e 1 empate.

Anúncios

A melhor chance do tricolor aconteceu aos 11 minutos do segundo tempo com Shaylon obrigando o goleiro Everson a fazer linda defesa e depois com Gilberto aos 38 tentando de peito. Douglas também trabalhou impedindo gol de Eduardo Sasha aos 22 da etapa final. Minutos depois, contou a sorte em cabeçada do zagueiro Lucas Veríssimo que esbarrou na trave. Porém, aos 38 minutos, Guerra derrubou Carlos Sánchez dentro da área. O árbitro assinalou o pênalti e nem precisou recorrer ao VAR. O próprio Carlos Sánchez se encarregou de bater e marcou no rebote após o goleiro Douglas defender a cobrança.

Agora o Esporte Clube Bahia dá uma pausa no Campeonato Brasileiro e vira volta sua atenção para a Copa do Brasil, já que na quarta-feira tem nova decisão, pelo jogo de volta das quartas de final, contra o Grêmio, às 19h15, com promessa de casa cheia na Arena Fonte Nova. Nos primeiros 90 minutos, empate por 1 a 1 em Porto Alegre. Com isso, um novo empate (por qualquer placar), leva a decisão para a disputa por pênaltis. Quem vencer, obviamente estará classificado para enfrentar Athletico-PR ou Flamengo na semifinal.

O Bahia enfrentou o Santos com muitas mudanças no time titular, à começar por Nino Paraíba (vetado pelo DM) e dando lugar a Ezequiel. Gregore (desgaste muscular) também foi ausência. Com isso, Roger optou por escalar apenas um volante (Elton) e a entrada de Shaylon no meio-campo. No ataque, Arthur Caíke e Fernandão entraram nas vagas de Élber e Gilberto. A escalação teve: Douglas; Ezequiel, Lucas Fonseca, Juninho e Moisés; Elton, Shaylon (Guerra) e Eric Ramires; Artur, Arthur Caíke (Élber) e Fernandão (Gilberto).

Futebol Baiano

Anúncios
crie seu site

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *